fbpx

Por que Renascer após a maternidade é tão importante para que você se veja como mulher além de mãe?

O Renascendo após a maternidade é meu projeto de vida, projeto que tem como objetivo fazer mães como você a se encontrarem como mulher após passar por todas as experiências e transformações que vem com a maternidade. 

Se você não me conhece, sou Bianca Amorim, psicóloga e coach de mães, e idealizei o projeto, quando após me tornar mãe do meu segundo filho decidi que mudaria minha vida profissional radicalmente. 

De profissional de RH, passei a psicóloga de mães, depois coach de mães e hoje, sou empreendedora digital. 

E vou guiar seu processo de autodescoberta para renascer após a maternidade.

Continue a leitura para descobrir:

  • O surgimento do projeto Renascendo após a maternidade que ajuda muitas mães a se reconectarem com a pessoa que eram antes da maternidade;
  • O que significa para você Renascer após a maternidade e de que forma esse processo influenciará sua vida;
  • De que forma o equilíbrio é imprescindível para uma maternidade saudável;
  • Os 3 passos essenciais para você se redescobrir após o nascimento dos filhos.
  • A importância de ser mulher para além de ser mãe
Foto Bianca sentada em uma cadeira com a mão levemente apoiada no queixo.
Foto Bianca sentada em uma cadeira com a mão levemente apoiada no queixo.

Como surgiu eu comecei a trabalhar especificamente com mães após terem filhos??

Ao começar a pensar em nomes para criar um projeto, observei nas mães que eu atendia, e também naquelas que faziam parte da minha rede de apoio, com filhos em idades similares aos meus, que todas elas, em algum momento, se sentiam perdidas.

  • Sem saber exatamente o que queriam fazer a partir daquele momento; 
  • Sem conseguir se visualizar fazendo algumas atividades que faziam antes dos filhos (profissionalmente ou não). 

Mães que amavam a maternidade, mas, ao mesmo tempo,  sentiam saudades da pessoa que eram antes da maternidade e que como você desejavam voltar a ser uma pessoa, além de mãe.

A maternidade mexe com as mulheres de alguma forma, mas muitas não sabem exatamente em quê e como lidar com isso. 

Você também enfrenta dificuldades para voltar a ser mulher além de mãe?

Ao encarar minha própria história e também pensar nas histórias das mães com as quais convivia, percebi que gostaria de ajudá-las a RENASCER APÓS A MATERNIDADE.

O que significa para você  Renascer após a maternidade?

Algumas mulheres podem não se identificar muito, pois não perceberam mudanças tão significativas. 

E, de fato, para algumas mulheres, a maternidade não traz mudanças drásticas de vida, embora você precise saber que, com toda certeza, houve alguma mudança. 

Se você não percebe as mudanças, talvez seja por não se conhecer verdadeiramente, ou por não ter parado para refletir sobre quem era antes de ser mãe e quem se tornou agora. 

Do outro lado, temos mães que a maternidade mexeu tanto, que não se vêem voltando ao trabalho ou então, não querem mais exercer aquela profissão, por exemplo. 

Não importa o tipo de mãe com a qual se identifique: seja a mãe que quer se reencontrar como mulher o mais breve possível ou a mãe que não se vê abrindo mão de nenhum segundo da maternidade, nenhuma das opções te torna menos mãe mas todas elas te impelem a resgatar a mulher que havia aí.

O equilíbrio é a chave para um maternar saudável:

Vivemos um momento na sociedade, em que muitas mulheres abdicam da sua vida profissional, para se dedicar integralmente aos filhos, pelo menos nos primeiros anos. 

Não há nada de errado com essa opção, porém, muitas vezes,  são essas mulheres as que mais sentem falta de, em algum momento, voltar a exercer seus outros papéis sociais (mulher, esposa, profissional, filha, amiga, dentre outros).

Só há um problema nessa questão da dedicação integral, você acreditar no mito de que para ser uma boa mãe você precisa estar integralmente com seus filhos. Essa é uma visão ultrapassada.

Se você realmente quer ser uma boa mãe e entregar o melhor para seus filhos precisa encontrar o equilíbrio entre a maternidade e seus demais papéis sociais, independente da sua escolha no maternar, isto é, ficar com eles ou trabalhar.

3 passos essenciais para você se redescobrir após o nascimento dos filhos:

Pensando neste grupo de mulheres que querem se reencontrar depois do nascimento dos filhos, surgiu o ebook “Renascendo após a maternidade”.

Este e-book gratuito, é pautado nos 3 passos que trabalho com minhas clientes para que o renascimento seja possível. 

  1. Autoconhecimento, 
  2. Rede de apoio, 
  3. Se colocar em ação. 

(link do ebook)

Conhecer-se profundamente e saber exatamente o que quer, mas não ter rede de apoio e/ou não se colocar em ação para alcançar seus objetivos não será o suficiente para você conquistar este renascimento. 

Por outro lado, ser uma pessoa extremamente determinada e se colocar em ação, mas não saber onde realmente deseja chegar, de que histórias quer viver e/ou não ter rede de apoio, também não fará você se redescobrir. 

Por isso é imprescindível você caminhar nestes três três passos, nesta ordem, para que o renascimento realmente aconteça. 

O autoconhecimento X Uma maternidade segura e confiante

Sem sombra de dúvidas, o passo mais importante, que fará toda a diferença para que você exerça uma maternidade segura e confiante, é o autoconhecimento. 

Infelizmente, a maioria das pessoas não se conhece verdadeiramente e nem percebe a importância disso não só para o nosso bem-estar emocional, bem como para toda a família.

É importante que você compreenda que independentemente das suas escolhas com relação à sua maternidade, o que importa mesmo é que você foque no seu bem-estar. 

Muitas famílias abdicam de tudo, centrando todas as decisões na criança a todo momento e isso pode não ser saudável. 

Já que é preciso ter a percepção de que você é um espelho para seus filhos, e eles só estarão bem, se você se cuidar e estiver em paz com suas escolhas. 

Compartilhe nos comentários se você está preparada para Renascer após a maternidade?    Sinta-se livre para confidenciar a outras mães qual foi seu primeiro passo nesse processo, você pode ajudar outra mãe a dar o primeiro passo.